İstanbul escort bayan sivas escort samsun escort bayan sakarya escort Muğla escort Mersin escort Escort malatya Escort konya Kocaeli Escort Kayseri Escort izmir escort bayan hatay bayan escort antep Escort bayan eskişehir escort bayan erzurum escort bayan elazığ escort diyarbakır escort escort bayan Çanakkale Bursa Escort bayan Balıkesir escort aydın Escort Antalya Escort ankara bayan escort Adana Escort bayan

More

    Mais de 650 mil empresas aderem ao Simples Nacional em 2024, confirma RF

    Data:

    A Receita Federal (RF) divulgou nesta última sexta-feira (1º) que mais de 650 mil micro e pequenas empresas aderiram ao Simples Nacional em 2024.

    ++Governo corta R$ 13 milhões do orçamento da Universidade Federal da Bahia para 2024; corte gera críticas 

    Até 31 de janeiro, foram recebidos 1.006.011 pedidos de opção pelo regime especial de tributação.

    ++PIB 2023: Agro impulsiona crescimento em 15,1%, mas economia desacelera no fim do ano, informa IBGE

    Dentre esses pedidos, 657.050 contribuintes tiveram suas solicitações aceitas, o que representa 65,31% do total. No entanto, 348.961 (34,69%) tiveram pendências e foram excluídos do regime simplificado de tributação.

    O Simples Nacional unifica o pagamento de tributos federais, estaduais e municipais em uma única guia, com alíquotas reduzidas.

    Quanto aos microempreendedores individuais (MEI), foram registrados 77.362 pedidos de adesão ao Simei, sistema específico para a categoria. Desses, 59.426 foram deferidos, totalizando 76,82% do total, enquanto 17.936 foram indeferidos (23,18%).

    A Receita Federal observa que o percentual de aprovação aumentou entre as micro e pequenas empresas, mas diminuiu entre os MEI em comparação com o ano anterior. Em 2023, os pedidos de adesão aceitos foram um pouco acima de 52% para o Simples Nacional e em torno de 85% para o MEI.

    Tradicionalmente, as empresas que não pagaram seus débitos são excluídas do Simples Nacional em 1º de janeiro de cada ano. No entanto, elas têm até 31 de janeiro para solicitar o retorno ao regime, desde que resolvam suas pendências até essa data. Os pedidos e regularizações foram processados em fevereiro.

    A data limite de 31 de janeiro para adesão ou reinclusão no Simples Nacional não pôde ser prorrogada, pois é determinada pela Lei Complementar 123/2006, que estabeleceu o regime especial.

    Para contestar a decisão de indeferimento, as empresas e microempreendedores devem fazê-lo junto ao ente público ao qual devem: União, estados, municípios e Distrito Federal. No caso de pendências com a Receita Federal, podem acessar o seguinte endereço para obter orientações sobre como contestar o termo de indeferimento: https://www.gov.br/pt-br/servicos/impugnar-indeferimento-pelo-simples.

    Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do Jetss.
    - Publicidade -

    Mais Recentes