Entretenimento, Cultura e Lazer

Morre o ídolo George Michael aos 53 anos de idade

George Michael em 2011 (Foto: Reuters / Stefan Wermuth)
George Michael em 2011 (Foto: Reuters / Stefan Wermuth)

Um comunicado do agente do cantor britânico informa que George Michael “morreu em casa, em paz, na semana de Natal”. “A família pede que a sua privacidade seja respeitada neste período difícil”, acrescentava a mesma nota. O grande artista, conhecido por hits como “Faith” e “Freedom! ’90”, morreu neste domingo (25). O cantor, compositor e músico vendeu mais de 100 milhões de álbuns ao longo da carreira de quase quatro décadas.

Segundo a BBC, uma ambulância teria sido chamada no início da tarde numa propriedade em Goring, Oxfordshire, no Reino Unido. A polícia divulgou que não houve “circunstâncias suspeitas”.

George Michael, nascido em Londres, a 25 de junho de 1963, fundou os Wham com Andrew Ridgeley, que conheceu na escola secundária. No início dos anos 80, conseguiram o contrato discográfico que os levaria aos primeiros lugares das paradas de sucesso. No dia 4 de novembro de 1982 , George Michael e Andrew Ridgeley fizeram a primeira aparição no Top of Pops. A canção era Young Guns (Go For It), segundo uma extensa cronologia da vida do artista na sua página oficial.

++ Ex-cabeleireiro revela detalhes de seu romance com o cantor George Michael

Os Wham chegaram aos primeiros lugares dos tops nos EUA com a canção Wake me up Before you Go Go. Da época ficou também Careless Whisperer e Everything she Wants e Last Christmas. Em 1986, George Michael começou carreira solo. O álbum “Faith”, de 1987, valeu-lhe o grammy de melhor álbum do ano. Desse dia saíram temas como “Father Figure” e “I Want Your Sex”, que rapidamente se tornou mais do que um êxito comercial.

Estações de rádio norte-americanas recusaram-se a passar a canção, devido ao seu conteúdo explícito. Apesar disso, George Michael vendeu 7 milhões de cópias desse single.

George Michael e Elton John nos bastidores do Live Aid Concert, 1985 (Foto: Rex)
George Michael e Elton John nos bastidores do Live Aid Concert, 1985 (Foto: Rex)

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS