More

    Morre Guilherme de Pádua, assassino de Daniella Perez

    Data:

    O ex-ator e pastor batista, Guilherme de Pádua, morreu na noite de domingo (6), aos 53 anos. Segundo informações confirmadas através de uma live feita pelo pastor Márcio Valadão, da Igreja Batista da Lagoinha, ele sofreu um infarto em casa, em Belo Horizonte e não resistiu.

    “Pouco antes das 22h recebi o telefonema de uma irmã falando de um dos nossos pastores que acabou de falecer. Para mim foi um impacto muito grande, porque hoje de manhã eu dirigi um culto e ele estava com a esposa no primeiro banco”, disse o pastor Márcio Valadão.

    ++ Anitta rebola em política conservadora e causa polêmica durante premiação na Espanha

    “Quando eu estava lá embaixo, para subir para fazer a live, chegou a notícia. Ele dentro de casa agora, caiu e morreu. Morreu agora. Agorinha, agorinha, agorinha ele acabou de morrer”, completou.

    Guilherme foi condenado pelo assassinato da atriz Daniela Perez, em 1992. Na época do crime, interpretava o motorista Bira na novela De Corpo e Alma, sendo par romântico de Yasmin, vivida pela filha da autora Glória Perez. Durante as gravações, Pádua tirou a vida da colega de trabalho com a ajuda da ex-esposa, Paula Nogueira Thomaz.

    ++ Pabllo Vittar é acusada de cometer “asian fishing”; entenda o termo

    O ex-ator recebeu 19 anos de pena, no entanto, foi solto em 14 de outubro de 1999, após ficar preso por seis anos e nove meses, o que significa o cumprimento de um terço da condenação. “É um moço que a sociedade não compreende, porque ele praticou aquele crime tão terrível da Daniela Perez, foi preso, cumpriu a pena e se converteu. Era uma lagarta e virou borboleta”, disse Márcio Valadão.

    Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.

    - Publicidade -

    Mais Recentes