More

    “Você só precisa de abraço”, desabafa Fernanda Paes Leme sobre aborto espontâneo

    Data:

    Fernanda Paes Leme abriu o coração para falar sobre um dos momentos mais duros de sua vida na última segunda-feira (03). Em entrevista ao podcast Mil e Uma Tretas, de Thaila Ayala e Júlia Faria, a atriz revelou ter sofrido um aborto espontâneo em 2021. Convidada pela atração ao lado de Mônica Martelli, ela foi às lágrimas ao relembrar o acontecimento e desabafou sobre o luto de não chegar a conhecer seu próprio filho.

    ++ Juliettte Freire rebate ataques xenofóbicos e incentiva denúncias: “É lamentável”

    Acho que as pessoas devem estar pensando o que a Fepa está fazendo aí. É difícil a gente falar sobre determinados assuntos. Se é difícil passar, falar é mais ainda. Eu vou chorar com certeza mais“, começou a famosa. Na sequência, ela contou que até o momento poucas pessoas sabiam do caso.

    ++ Fátima Bernardes comemora reeleição de Túlio Gadêlha: “Mais quatro anos”

    “Quando a Julia me chamou para vir aqui, eu pensei: ‘[…] será que eu vou falar sobre isso?’. Porque é uma coisa que está dentro de mim, só para mim. E para pouquíssimas pessoas que convivem comigo“, explicou.

    Só que, ao mesmo tempo, é muito importante as pessoas saberem que tem várias histórias sobre isso, sobre esse tema, que ainda é tão difícil de você falar. Porque o aborto é uma perda invisível. É um luto que você vive, de algo que você nunca viu a cara. Nem uma peça, foto, nada, para você lamentar, o que acontece quando você perde alguém“, continuou, emocionada.

    O aborto

    Foi então que Fe Paes Leme contou como tudo aconteceu. Segundo a morena, a gravidez veio como uma surpresa. “Eu vivi isso de uma forma totalmente inesperada. Eu não estava tentando, não estava querendo naquele momento. […] Quando eu tirei o DIU, no mês seguinte, a menstruação não veio […] Decidi fazer um teste”, lembrou ela.

    Aí veio os dois tracinhos. Eu fiquei em choque. Pensei em elaborar para este ano. Contei para ele [Vitor, seu companheiro], e ele ficou mais feliz do que eu. No dia seguinte voltei para São Paulo. Cinco dias depois tive um sangramento e descobri que tinha perdido“, contou.

    Por fim, a atriz ainda refletiu sobre o peso do luto. “A primeira pessoa a descobrir é você. Quem tem que contar para o outro é você. Todo mundo te fala: ‘é normal’. Não! Normal não pode ser. Pode ser comum. As pessoas tentam amenizar a sua dor quando na verdade você só precisa de apoio, só precisa de abraço”, desabafou a famosa.

    Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do Jetss.

     

     

    - Publicidade -

    Mais Recentes