Entretenimento, Cultura e Lazer

Fafá de Belém reflete sobre uso de substâncias ilícitas: “Um dia me olhei no espelho e não era eu”

Em um entrevista reveladora, a cantora Fafá de Belém contou como lidou com o uso de substâncias ilícitas. Ela relembrou o período em que o LSD (ácido lisérgico) promoveu uma revolução no mundo artístico.

“O final da década de 1960 e começo dos anos 1970 foi um período lisérgico. As drogas eram usadas para abrir as portas da percepção”, começou.

“A coisa mais delicada é saber o tempo de dizer tchau. Você jamais pode não conseguir viver sem uma droga”, disse ao jornal ‘O Globo’.

++ Esposa do jornalista Léo Batista é encontrada morta na piscina de sua casa

“Joguei fora o que tinha em casa e destruí minha agenda de telefones. Passei dez dias trancada, com o fio do telefone fora da tomada. Nunca tomei MD (MDMA, também comercializada como ecstasy). A gente vai desenvolvendo os baratos da vida de outras formas”, finalizou ela. 

Não deixe de curtir nossa página   no  Facebook  e também  no  Instagram  para mais  notícias  do JETSS.