Entretenimento, Cultura e Lazer

Indiciado por lesão corporal, Nego do Borel pode deixar A Fazenda

Como já é de conhecimento público, Duda Reis acusou o ex-noivo, Nego do Borel, de violação de vulnerável, lesão corporal, violência doméstica, injúria e ameaça. Até o momento, apenas o crime de lesão corporal pela Lei Maria da Penha foi acatado pela delegada responsável pelo caso, que tomou as páginas dos jornais desde o início deste ano, quando a atriz afirmou que vivia uma relação abusiva com o cantor. 

“Com relação aos demais fatos citados pela vítima neste procedimento, por ora, não vislumbro elementos suficientes para determinar o indiciamento do investigado, sem prejuízo de entendimento diverso por parte do Ministério Público”, disse a policial. 

Agora, cabe ao Ministério Público decidir se denuncia o famoso pelo crime, ou não. A defesa de Nego pediu para que a delegacia responsável aguarde 90 dias para que o artista possa prestar esclarecimentos sobre o indiciamento. No pedido, os advogados alegam que o cantor está confinado em A Fazenda 13 – se o pedido não for acatado, ele poderá ser convocado antes e ter de deixar o reality.  Ainda não houve resposta à solicitação feita pelos advogados do artista. 

++ Virginia Fonseca faz desabafo após o enterro do pai: “Dói tanto”

Vale lembrar que a Justiça liberou R$ 424.920 mil do cantor, que foram apreendidos na casa dele após as denúncias feitas por Duda Reis. À época, a influencer acusou o funkeiro de armazenar em casa R$ 2 milhões e um fuzil.  

De acordo com os policiais, as contas bancárias e o imposto de renda do artista, tanto como pessoa física quanto jurídica, foram analisados e nada ilícito foi encontrado. Foram apreendidos também três aparelhos celulares, um PlayStation 4 e dois computadores. Todos os equipamentos eletrônicos já foram devolvidos a Nego do Borel, com exceção de 2 celulares que ainda sob investigação. 

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  e também no Instagram para mais notícias do JETSS.