Entretenimento, Cultura e Lazer

Ensaio técnico da Mangueira exibe graça de Evelyn Bastos

A Mangueira realizou um ensaio técnico no sambódromo, no Rio de Janeiro, na noite deste domingo (16). Mas o que fascinou a todos mesmo foi a graça e beleza da rainha Evelyn Bastos, que parece disposta a coroar um reinado marcante na Sapucaí.

++ Leci Brandão e Maria Bethânia encantam no “Verão Mangueira”

Evelyn usava um maiô com véu e a frase: “O morro não tem vez”, que faz alusão à música de Tom Jobim e traz a reprodução das assinaturas de 16 crianças e jovens mortos por bala perdida no Rio recentemente. Devido a chuva, algumas palavras caíram mas nada que interrompesse os preparativos.

“Eu peguei a autorização dessas mães, que hoje têm um movimento, e reproduzi a assinatura desses meninos que tiveram a morte por erro do estado em confronto dentro das favelas”, explicou Evelyn ao G1. A rainha também trazia o nome “Maria das Dores”, dita em um trecho do samba da Mangueira, e servia para homenagear as mães dessas crianças, juntamente com uma fita preta, em sinal de luto.

A Estação Primeira de Mangueira será a terceira escola a desfilar no domingo de carnaval. A agremiação tenta o bicampeonato com o enredo “A verdade vos fará livre”. A apresentação tem a visão do carnavalesco Leandro Vieira da vinda de Jesus Cristo.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS