Entretenimento, Cultura e Lazer

Sabrina Sato relembra participação no BBB 3: “Lembro de todos que me ajudaram”

A apresentadora Sabrina Sato participou do BBB 3. (Foto: Reprodução/ Globo e Instagram/ @sabrinasato)
A apresentadora Sabrina Sato participou do BBB 3. (Foto: Reprodução/ Globo e Instagram/ @sabrinasato)

Sabrina Sato relembrou a sua passagem pelo BBB 3 e opinou sobre a cultura do cancelamento em entrevista ao jornal Extra. A apresentadora não venceu a edição em que participou, mas figura como uma das ex-BBBs mais famosas atualmente.

++ BBB 21: Karol Conká diz que teve “dó” de Lucas Penteado

Com uma carreira de sucesso, ela relembrou a sua época como sister: “Eu participei em 2003, faz 18 anos, mas lembro de todos que me ajudaram, me deram força, me apoiaram, me ensinaram. Muitas pessoas lá transformaram minha vida e pode ser que nem saibam”.

“Eu não conseguiria fazer nada sozinha. Não é papinho, é a pura verdade. Eu só posso agradecer a todos que cruzaram o meu caminho”, afirmou a apresentadora da Record TV. 

Sobre a cultura do cancelamento, uma das pautas levantados no BBB 20 e que permanece em alta no BBB 21, Sabrina opinou: “Não podemos ter medo de nada, porque o medo nos para. Essa cultura do cancelamento faz isso com a gente”.

“Temos que fazer o que temos vontade, falar o que queremos, o que sentimos. Participei de uma outra época do BBB, de muita inocência, a gente era o que era mesmo […] Detesto quando tentam me controlar ou me calar. Mexe muito comigo”, declarou Sato.  

“Elogie mais, critique menos”, afirma Sabrina Sato

Sobre ser “ex-BBB”, Sabrina garante que não é motivo de vergonha é, sim, o contrário, ela não vê problema nenhum e deixa um recado para quem sonha em entrar no reality: “Elogie mais, critique menos. Se você se coloca no lugar do outro, não tem coragem de cancelar”.

“Eu jamais vou apontar o dedo para alguém porque sei dos meus defeitos e dos meus erros. Prefiro bater palma. Os elogios têm um poder muito grande. Se for abrir a boca, abra para elogiar, ser simpático, agradável, colocar o outro para cima”, refletiu a apresentadora sobre as atitudes tóxicas dos “canceladores”. 

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.