Entretenimento, Cultura e Lazer

Covid-19: Estudo no Reino Unido vai infectar voluntários para ajudar a testar vacinas

O governo britânico anunciou na última terça-feira (20), que o Reino Unido fará uma exposição controlada de voluntários ao vírus da Covid-19 para testar a eficácia das vacinas.

O país será o primeiro a infectar pessoas jovens e saudáveis e o experimento já conta com a inscrição de mais de 2 mil britânicos. 

++ Líderes europeus endurecem restrições contra o Coronavírus: “Fora de controle”

O estudo será feito em parceria entre o Hospital Real de Londres, a universidade Imperial College e a empresa hVivo. O governo anunciou que será feito um investimento de 33 milhões de libras (cerca de R$ 237 milhões) na pesquisa.

A exposição será feita de forma controlada a voluntários sadios e jovens, com idades de 18 a 30 anos. Mais de 2.500 britânicos já se inscreveram, porém o experimento prevê a utilização de, no máximo, 200 voluntários. 

O estudo busca entender como pessoas imunizadas com diferentes vacinas respondem à exposição controlada ao Coronavírus. Ele é defendido pelos pesquisadores por ser uma forma mais “rápida” dos voluntários serem expostos ao vírus, do que da forma convencional.

O objetivo maior é que com as descobertas, vacinas ineficazes sejam descartadas e que as eficientes cheguem ao mercado de forma mais rápida e segura.

“Nenhum estudo tem risco zero”, diz um dos coordenadores da pesquisa

A Organização Mundial da Saúde (OMS) não é contrária ao procedimento, mas ressalta que é imprescindível de que o estudo seja feito aliado a uma comissão de ética. A OMS alerta para que os voluntários saibam plenamente todas as implicações e estejam cientes de todo o processo. 

“Nenhum estudo tem risco zero, mas todos os nossos parceiros vão trabalhar pra que os riscos sejam os menores possíveis”, disse Dr. Chris Chiu, um dos coordenadores da pesquisa, em entrevista à BBC.

O estudo será monitorado por especialistas independentes e precisará da aprovação da Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde do Reino Unido, antes da inscrição dos voluntários.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS