More

    STF libera exibição do programa “Linha direta” sobre caso Henry Borel

    Data:

    Depois de ter sido vetada pela justiça, edição especial do programa “Linha Direta” abordando o caso da trágica morte do menino Henry Borel, de 4 anos, ocorrida em 2021, será transmitida esta noite (18), na Rede Globo. A decisão de permitir a exibição foi tomada pelo ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), na noite de da última quarta-feira (17). Essa decisão veio após a TV Globo ter seguido de uma liminar concedida em favor da defesa de Jairo Souza Santos Júnior, conhecido como Jairinho, que buscava impedir a veiculação do programa.

    ++ Thaynara OG revela que irá gastar R$5 milhões de reais com evento

    Jairinho é acusado de ter cometido o assassinato do menino, enquanto sua mãe, Monique Medeiros, é apontada como cúmplice. O texto da decisão proferida por Gilmar Mendes ressalta que a tentativa da defesa  teve o intuito de censurar a exibição de uma matéria jornalística de evidente interesse público. Além disso, o documento faz menção à decisão anterior da juíza Elizabeth Machado Louro, do Tribunal de Justiça do Rio, afirmando que a magistrada “extrapola os limites de suas funções judicantes para se arvorar à condição de fiscal da qualidade da produção jornalística de emissoras de televisão”.

    ++ Shakira e Gisele Bundchen promovem encontro com os filhos em Miami

    O programa “Linha Direta” entrevistou todos os advogados envolvidos no caso, incluindo Cláudio Dalledone, representante de Jairinho, e o promotor Fábio Vieira. Vale ressaltar que o caso não está sob segredo de Justiça, e as audiências estão sendo transmitidas ao vivo pelo canal do Tribunal de Justiça do Rio, via internet. Ainda não há um dado definido para o julgamento.

    Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do Jetss. 

    Mais Recentes