Entretenimento, Cultura e Lazer

Morre o senador Major Olímpio, vítima da Covid-19

O senador do estado de São Paulo, Major Olímpio, faleceu nesta quinta-feira (18), aos 58 anos de idade. Ele é mais uma das vítimas da Covid-19.

Filiado ao PSL, Olímpio estava internado em São Paulo, no Hospital São Camilo. Desde 5 de março ele estava sob os cuidados da Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Até a tarde de quinta-feira (18), as suas redes sociais faziam um apelo aos seguidores, para que orassem pela saúde do senador: “Deus abençoe a todos os amigos que diariamente apoiam, dão força e reforçam as orações pelo Senador Major Olimpio. Vamos para mais um dia de luta pela sua recuperação. Ele permanece em tratamento na UTI e temos muita fé que em breve ele estará melhor”.

Contudo, apenas três horas após esta publicação, a triste notícia foi dada: “Com muita dor no coração, comunicamos a morte cerebral do grande pai, irmão e amigo, Senador Major Olimpio. Por lei a família terá que aguardar 12 horas para confirmação do óbito e está verificando quais órgãos serão doados. Obrigado por tudo que fez por nós, pelo nosso Brasil”.

++ Covid-19: Brasil tem “maior colapso sanitário e hospitalar da história”, afirma Fiocruz

Major Olímpio era natural de Presidente Venceslau e teve uma trajetória respeitada na Polícia Militar. Foi eleito senador em 2018, enquanto apoiava a eleição do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Formou-se bacharel em ciências jurídicas e sociais e teve uma carreira de 29 anos na Polícia Militar de antes de entrar para a política, em 2006. Tinha como principais pautas de sua atuação no Legislativo assuntos de violência, armamento e segurança pública,

Olímpio é o terceiro senador a falecer vítima da Covid-19, que já vitimou o senador do Rio de Janeiro Arolde de Oliveria (PSD) e também o da Paraíba, José Maranhão (MDB).

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.