Entretenimento, Cultura e Lazer

Vacinas reduzem o risco de hospitalização por Covid-19 em 94% entre idosos

Um estudo americano apontou que as vacinas da Moderna e Pfizer/BioNTech são 94% eficazes contra a hospitalização entre idosos vacinados contra a Covid-19. O resultado abrange adultos totalmente vacinados com 65 anos ou mais nos Estados Unidos, segundo o CDC (Centro de Controle de Prevenção de Doenças). 

++ Doença neurológia causada pela Covid-19 foi encontrada em 21 países

A pesquisa informou que as vacinas foram 64% eficazes entre os idosos que receberam apenas a primeira dose. De acordo com a IstoÉ, as descobertas são consistentes com os resultados apresentados pelas empresas que garantiram de 94% a 95% de eficácia, observaram pesquisadores do CDC e de outras instituições.

Em um comunicado à imprensa emitido na última quarta-feira (28), a diretora do CDC, Dra. Rochelle Walensky, ressaltou que as “descobertas são uma notícia encorajadora e bem-vinda para dois terços das pessoas com 65 anos ou mais que já estão totalmente vacinadas”.

“As vacinas COVID-19 são altamente eficazes e essas descobertas na prática confirmam os benefícios observados em ensaios clínicos, evitando hospitalizações entre os mais vulneráveis”, completou Walensky.

++ Vacinação reduz transmissão da Covid-19 em lares, aponta estudo

Outro estudo publicado no New England Journal of Medicine recentemente compartilhou que entre 417 funcionários da Rockefeller University, em Nova York, que foram totalmente vacinados, apenas 2 testaram positivo para o Coronavírus. Os funcionários foram vacinados com os imunizantes da Moderna e Pfizer/BioNTech.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.