Entretenimento, Cultura e Lazer

Covid-19: Mundo não terá imunidade de rebanho em 2021, afirma OMS

O cientista-chefe da OMS reforçou que ainda é necessário que os governos e população cumpram as medidas e protocolos de segurança. (Foto: Unsplash)
O cientista-chefe da OMS reforçou que ainda é necessário que os governos e população cumpram as medidas e protocolos de segurança. (Foto: Unsplash)

Soumya Swaminathan, o cientista-chefe da Organização Mundial de Saúde (OMS), declarou que o mundo não terá imunidade de rebanho contra a Covid-19 em 2021. 

++ Covid-19: 354 milhões de doses de vacinas estão asseguradas em 2021, diz ministro da Saúde

Segundo informações da CNN Brasil, o profissional fez declarações sobre o assunto em uma entrevista coletiva da OMS, na tarde da última segunda-feira (11). Ele exaltou os esforços da humanidade desde o início da pandemia, mas reforçou que ainda é necessário que os governos e a população cumpram as medidas e protocolos de segurança.

“Nós precisamos continuar sendo responsáveis e praticando todas as medidas de proteção”, disse Swaminathan em entrevista coletiva da OMS. 

O mundo não terá imunidade de rebanho em 2021, segundo a OMS. (Foto: Unsplash)
O mundo não terá imunidade de rebanho em 2021, segundo a OMS. (Foto: Unsplash)

“Há um ano, ninguém acreditava que teríamos mais de uma vacina sendo produzida. É uma comprovação sobre a eficiência dos cientistas do mundo, que trabalharam juntos”, enalteceu o cientista, sobre os esforços dos profissionais e laboratórios responsáveis pelas vacinas. 

Por fim, Soumya Swaminathan fez questão de ressaltar as dificuldades da vacinação a nível mundial e o impacto na ‘imunidade de rebanho’.

“Produzir bilhões de doses demora. Precisamos ser pacientes. Não vamos conseguir proteger as pessoas do planeta inteiro de uma vez”, finalizou.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.