Entretenimento, Cultura e Lazer

Covid-19: Pesquisadores brasileiros criam solução à base de nióbio capaz de eliminar vírus

Uma equipe de pesquisadores da Unidade Federal de Minas Gerais (UFMG), desenvolveu uma substância à base do metal nióbio, que protege mãos e superfícies contra o novo coronavírus, eliminando totalmente o patógeno durante 24 horas.

++ Covid-19: Confira dicas para tratar irritações na pele causadas pelas máscaras

A substância pode ser utilizada em gel, mas também em spray líquido, com o objetivo de evitar o contágio através de superfícies e equipamentos em ambientes doméstico, médico e odontológico, de acordo com os cientistas, que alertam que o composto não deve ser ingerido, pois não elimina o vírus dentro do organismo, apenas evita a propagação fora.

A solução foi testada em laboratório de nível de biossegurança NB-3 (que permite manipulação de vírus causadores de doenças graves), tendo sido registada pela startup Nanonib. Os testes mostraram que a substância é eficaz no combate a vários microrganismos, nomeadamente vírus, bactérias e fungos.

Ficou ainda provado que pode ser utilizada com segurança nas mãos porque não causa efeitos adversos, como por exemplo pele seca ou outro tipo de reação cutânea.

Luiz Carlos Oliveira, professor do Departamento de Química e líder do projeto, explica: “Sintetizamos uma forma nova de polioxoniobato, com capacidade de gerar espécies de oxigênio que eliminam de forma eficiente uma elevada carga do coronavírus. Essas espécies de oxigênio são libertadas quando se deparam com uma bactéria ou um vírus”.

“Vamos criar soluções que contém moléculas inovadoras de nióbio, de baixo custo de produção e versáteis, já que também poderão ser inseridas em produtos de limpeza e cosméticos disponíveis no mercado”, acrescenta Luiz Carlos Oliveira.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS