Entretenimento, Cultura e Lazer

Deborah Secco lembra que Íris deveria ser vilã em “Laços de Família”

“Laços de Família” voltou a Globo no horário de “Vale a Pena Ver de Novo”. Nesta segunda-feira, a atriz Deborah Secco conversou com o “Notícias da TV”, do Uol, e revelou que a personagem Íris acabou sendo bem menos odiada pelo público do que se esperaria de uma vilã.

++ Deborah Secco relembra Íris de “Laços de Família”: “Minha primeira demônia”

“Nunca imaginei que receberia tanto carinho do público, nem que ela fosse ficar com o personagem do José Mayer. Era para eu ser odiada! Era uma imagem difícil de colocar na televisão, porque então eu só tinha 21 anos, mas era muito magrinha e passava a impressão de ser ainda mais menina”, revelou a atriz.

Deborah lembrou um dos motivos para a personagem ser tão amada teve a ver com outra trama. Sua personagem era uma das poucas que criticava Camila (Carolina Dieckmann) por estar com o namorado de sua irmã, Helena (Vera Fischer).

“Foi a primeira vez que eu tive uma recepção tão calorosa nas ruas por conta de uma novela. Ela era a justiceira que o público tanto queria para fazer a Camila pagar pela sua traição. Só que ela era tão infantil, fazia as coisas da forma mais errada possível, que eu nunca consegui defendê-la”, disse. A ação fez Deborah tomar um tapa na trama, de Helena, e na vida real. Em um Supermercado.
“Apanhei muito quando a Camila ficou doente e eu a chamei de feia. Aquilo foi imperdoável para o público, surgiram várias comunidades no Orkut para falar mal da Íris. Nunca vou me esquecer”, relembra.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  e também no Instagram para mais notícias do JETSS