Entretenimento, Cultura e Lazer

‘A Dona do Pedaço’: Após demissão, Maria da Paz decide vender bolos na rua para sobreviver

Em ‘A Dona do Pedaço’, Maria da Paz (Juliana Paes) estava toda animada com o emprego de doméstica na casa de Gladys (Nathalia Timberg). Mas assim que a perua descobriu que a funcionária estava grávida, não hesitou em demiti-la. Apesar de ter ganho uma quantia da ex-patroa, a moça se viu desesperada com seu futuro e começou a pensar, junto com Marlene (Suely Franco), em alternativas para seu sustento.

Marlene e Maria da Paz quebram a cabeça para pensar em um possível trabalho para a ex-doméstica. A moça se oferece para fazer um bolo. Segundo ela, o preparo lhe serve como uma terapia e a ajuda a raciocinar melhor. Basta o quitute ficar pronto para Eusébio (Marco Nanini) e sua família aparecerem de surpresa na casa pra prima do Padre.

“Já estou sentindo cheirinho de bolo!”, diz Dorotéia (Rosi Campos), a primeira a chegar, que logo chama seus parentes para a boca livre.

Marlene não gosta nem um pouco da atitude da vizinha, mas Maria da Paz se sensibiliza e oferece um pedaço do doce para toda a família. Enquanto todos comem, deliciados, a cozinheira explica o problema que lhe aflige.

“Pelo que entendi a Maria da Paz perdeu o emprego e está grávida”, conclui Eusébio, que também volta a elogiar o bolo.

“Já disse isso mil vezes. Agora diga, no que está pensando?”, pergunta Marlene, impaciente.

É neste momento que o marido de Dodô tem uma brilhante ideia:

“A Maria da Paz pode fazer bolo e vender na rua.”

Todos ficam empolgados com a proposta, mas Maria tem uma preocupação. De que forma ela venderia seus doces pela cidade de São Paulo? Marlene, então, decide pedir a ajuda de outro vizinho: Antero (Ary Fontoura).

Antero empresta carro para Maria da Paz

Senhor que mora sozinho, Antero só possui um xodó na vida: seu carro velho que há anos não sai da garagem. Quando Marlene surge com a proposta de usá-lo para vender bolos, ele se opõe:

“Meu carro, virar confeitaria? Não gostei.”

“Não tem que gostar. A moça é uma das melhores pessoas que já conheci. Se não for por ela, faça por mim. Por nossa amizade”, insiste Marlene.

Antero se comove e cede o veículo, mas questiona quem irá conduzi-lo. Após descobrir que trata-se de Eusébio, o chefe da família que ele mesmo expulsou de um prédio invadido, o senhor volta a atrás em sua decisão:

“Ele? Nunca! É um desabrigado, me desrespeitou.”

Os dois batem boca até que Maria da Paz desestabiliza Antero:

“Preciso de uma chance na vida. Eu vou ter um bebê, um filho que já é o meu maior amor do mundo. Me ajuda.”

Com tudo acertado, todos seguem em direção à garagem de Antero. Ao dar uma olhada no carro, a filha de Evelina (Nívea Maria) sugere colocar os quitutes no porta-malas. Marlene pergunta como a amiga vai pagar pelos ingredientes, que precisam ser comprados em quantidade.

“Uso o que recebi na demissão. Não sei por quê. Estou sentindo um negócio dentro de mim. Eu tenho certeza que vou vender muitos bolos!”, responde Maria, empolgada com a nova empreitada.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS