Entretenimento, Cultura e Lazer

Contra governo Bolsonaro, Ivete evitava falar de política. O que mudou?

Neste último domingo (22/01), Ivete Sangalo, 50 anos, concedeu uma entrevista ao “Folha de S.Paulo” e explicou porque antes evitava falar de política e agora é assumidamente anti-Bolsonaro (PL). Segundo a cantora, a situação do país a obrigou a se posicionar politicamente.

++ Ivete Sangalo se posiciona politicamente no Rock in Rio; veja!

Ivete Sangalo fala sobre polarização na política brasileira

Sobre enfim dá sua opinião política, a cantora de axé disse: “Não tive medo. A polarização é um entrave. Isso precisa ser desfeito para voltarmos a dialogar de forma civilizada.“, disparou logo a princípio. “Quando está muito polarizado, tudo o que se diz é só lenha na fogueira. Você vai jogando madeira, madeira, madeira, e vai queimando.“, refletiu ainda.

Ivete Sangalo não esconde empolgação ao falar sobre governo Lula

E, apesar de ter ficado horrorizada com os rumos que o Brasil tomou no governo de Jair Bolsonaro (PL), Ivete se diz otimista com o futuro nos próximos anos. Para ela, uma terceira gestão federal de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) será um avanço pro país como um todo: “Nunca estivemos tão sedentos pelo futuro. Entramos num ano de maior esperança e possibilidades. Saímos de um tempo de retrocesso e entramos em 2023 com o pé direito, onde há mais esperança, e vamos caminhar para frente“, disse por fim, sem esconder a empolgação.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do Jetss.