Entretenimento, Cultura e Lazer

Popó vence Whindersson em luta de R$ 12 milhões; saiba como foi

A aguardada luta de boxe entre o tetracampeão mundial do esporte Acelino “Popó” Freitas contra o humorista Whindersson Nunes terminou empatada por ser um “show”. No ringue, porém, a diferença entre o profissional veterano e o amador novato ficou evidente. Os protagonistas da noite vão dividir ao menos R$ 12 milhões, fora o valor com patrocínios e pay-per-view.

O combate começou à 0h30, durante a madrugada de domingo (30) para segunda-feira (31). A luta durou os oito rounds previstos, com dois minutos cada. Desde o primeiro assalto, Popó foi para cima e acertou diversos golpes em seu oponente. O humorista de 27 anos treina boxe há mais de cinco anos na academia Capital da Luta, de Lucas Mineiro. Já Popó, aos 46 anos, tem um cartel no profissional com 41 vitórias e duas derrotas.

++ Anitta se recusa a cantar música nova em show e explica motivo

O abismo entre os lutadores ficou claro no ringue. Apesar de ser um confronto de exibição, com direito a sorrisos e abraços durante os rounds, Acelino Freitas conectou jabs, cruzados, uppercuts e machucou o adversário com sequências de golpes no rosto e na cintura.
Whindersson até bateu no rival em poucos momentos, mas não a ponto de fazê-lo balançar. No sexto round, Popó acertou o pé da orelha de Nunes, e o árbitro chegou a abrir contagem e pedir intervenção médica. Mas a luta foi liberada para continuar.

A apresentação de Acelino Freitas foi considerada “um show”, mas ele não nocauteou o comediante. O empate veio por decisão dos juízes, com aclamação do público presente na arena em Balneário Camboriú.

JNão deixe de curtir nossa página   no Facebook  e também  no Instagram  para mais  notícias  do JETSS.