Entretenimento, Cultura e Lazer

Marília Mendonça dá nome a lei que obriga sinalização aérea; entenda

Quase um mês após o seu falecimento em um trágico acidente de avião, Marília Mendonça segue fazendo história. A cantora dá nome ao projeto de lei 4.009/2021, que visa evitar novos acidentes ocasionados pela má sinalização das linhas aéreas de transmissão de energia elétrica.

Nesta terça-feira (30), foi aprovado um projeto de lei criado pelo senador Telmário Mota (Pros-RR), que estabelece critérios para a sinalização. Segundo informações do site oficial do Senado, o projeto do senador recebeu parecer favorável da senadora Kátia Abreu (Progressistas -TO) e seguirá para análise na Câmara dos Deputados.

++ Mãe de Marília Mendonça defende filho após crítica: “Só nós sabemos nossa dor”

A parlamentar, por sua vez, apresentou uma emenda para denominar a PL de Marília Mendonça, como uma homenagem à cantora sertaneja. Kátia Abreu reforçou a importância do projeto de lei explicando que o acidente poderia ter sido evitado.

“Fiquei muito triste com sua morte. Eu e toda a minha família […] O acidente foi uma fatalidade? Sem dúvida. Mas uma fatalidade que poderia ter sido evitada. Essa lei que votamos aqui pode evitar novos choques de aeronaves”, declarou a senadora.

O avião onde estava a cantora e a equipe bateu em cabos da Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) na cidade de Caratinga, em Minas Gerais. A Rainha da Sofrência realizaria um show no local, porém ela, o piloto Geraldo Medeiros, o co-piloto Tarciso Viana, o produtor Henrique Ribeiro e o seu tio e assessor, Abicieli Silveira Dias Filho, morreram no acidente.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS