Entretenimento, Cultura e Lazer

Patrícia Poeta declara que já sofreu assédio quando era adolescente

Nesta quarta-feira (13) a apresentadora Patrícia Poeta, revelou durante o programa “Encontro” que já foi vítima de assédio quando era adolescente. A artista falou sobre o assunto após entrevistar Eduarda, uma jovem que também passou por uma situação de abuso por um motorista de aplicativo que tentou fazer com que ela cheirasse um pano com algum produto.

++Whindersson Nunes desabafa sobre morte do filho em nova música

O crime ocorreu no Rio Grande do Sul e tem surpreendido a todos na internet. Durante o seu relato, a jovem contou que conseguiu sair do veículo ainda movimento e que atualmente não se sente mais segura nem dentro de sua casa, já que o homem que tentou fazer isso com ela sabe seu endereço.

No seu relato, Eduarda contou que o assediador ofereceu para ela um pano com um líquido que servia para limpar telas de celulares. Porém, ela começou a se sentir muito mal após inalar a substância:

“Eu não dei muita bola, ele pingou um negocinho no pano e eu passei no celular. Depois ele falou: ‘Sente o cheirinho, é um cheirinho muito bom’. Eu falei que não tinha sentido e ele pegou o pano de volta, pingou bem mais líquido e passou para trás, pedindo para eu cheirar”, disse ela. Eduarda contou que mesmo de máscara ficou tonta, mas felizmente conseguiu destravar a porta e sair do veículo.

++Após acusações pesadas, Yasmin Brunet vai processar Simone Medina

Patrícia Poeta ficou muito mexida com a história e desabafou sobre uma situação parecida que viveu: “Me coloco no lugar dela, porque quando era adolescente também fui vítima de uma tentativa dessa. Lembro até hoje, tenho trauma disso até hoje porque não consegui sequer falar para pedir ajuda”, disse a apresentadora.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  e também no Instagram para mais notícias do JETSS