More

    Gil do Vigor comemora fim da tutela de Britney Spears: ‘Representa pessoas que tiveram medo de ser livre’

    Data:

    Gil do Vigor, super fã da cantora, comemorou o fim da tutela de Britney Spears: “Tenho acompanhado o caso, o ‘Free Britney’ me pegou muito quando assisti ao documentário dentro do ‘Big Brother’, era minha liderança”, diz o economista ao G1.

    “Fiquei muito abalado porque a Britney representa liberdade e aceitação para um grupo de pessoas que durante muito tempo teve medo de ser livre, ficou preso assim como ela ficou durante tanto tempo. E a música dela e a pessoa dela nos fez ser livres.” 

    Para Gil, esse será um avanço muito importante também para a carreira da princesinha do pop. “Agora, com essa decisão acetada de deixar que ela tome conta da própria vida, ela vai fazer o que quer e a carreira dela com certeza vai deslanchar porque ela só precisa abrir a boca e subir num palco para fazer o que ela sabe, que é encantar todo mundo.” 

    “Ela vai sim voltar a ter seus números, sucesso e alegria que ela merece. Todos nós fãs estamos juntos com ela livres. A gente devia isso a ela por tudo que ela fez por cada um de seus fãs nos ajudando nesse processo de aceitação da comunidade LGBTQIA+ que é tão difícil.” 

    ++ Justiça pode intimar MC Gui em ‘A Fazenda’

    A comoção tomou os fãs ao redor do mundo. Seguidores do “Free Britney”, movimento que faz pressão pelo fim do controle de Jamie Spears, comemoraram quando ele foi suspenso da posição de tutor. 

    Além de espalhados pelo mundo e conectados nas redes sociais, algumas dezenas de fãs se reuniram na porta do tribunal de Los Angeles, onde a audiência aconteceu. Jamie já havia desistido de ser tutor, mas sua saída estava prevista para acontecer só na audiência sobre o caso que estava marcada para janeiro de 2022. 

    O contador John Zabel substitui imediatamente Jamie Spears no papel de tutor. Em uma audiência posterior será decidido sobre o fim do processo de tutela de Britney Spears. 

    O movimento #FreeBritney surgiu a partir da preocupação de fãs de Britney Spears com o bem-estar da cantora. O principal ponto é a tutela legal que, segundo eles, deixou Britney “presa” desde 2008. Documentários, como o “Framing Britney Spears: A Vida de uma Estrela”, produzido pelo “The New York Times” ampliaram a força do grupo. 

    Recentemente, o tradicional jornal americano lançou outro filme, intitulado “Controlling Britney Spears” (“Controlando Britney Spears”), no qual revela Jamie Spears instalou equipamentos escondidos de vigilância no quarto de Britney para ouvir suas conversas. 

    Em um depoimento marcante e inédito, a cantora deu detalhes do que viveu nos últimos 13 anos e pediu o fim da tutela em junho ao participar de audiência de forma virtual. “É desmoralizante tudo que passei. Nunca disse isso abertamente – nunca pensei que alguém fosse acreditar em mim. Não estou mentindo. Só quero minha vida de volta”, afirmou a estrela do pop na época. 

    Britney também falou que quer se casar e ter um filho, mas usa DIU, dispositivo intrauterino, que a impede de engravidar e não tem autorização para retirá-lo. 

    Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  e também no Instagram para mais notícias do JETSS. 

    Mais Recentes