Entretenimento, Cultura e Lazer

Silvia Buarque fala sobre luta contra câncer e depressão: “Não tinha ânimo”

Silvia Buarque esclareceu os boatos envolvendo sua saúde. Em entrevista ao jornal ‘Extra’, a atriz falou sobre as notícias de que ela estaria em uma situação delicada após um câncer, descoberto em 2014.

“Tive um câncer de mama leve em 2014. Deu para tirar só no local. Fiz radioterapia e, quando terminou, veio a depressão. De 2014 a 2017, oscilei. Passei a tomar remédio para dormir”, desabafou a artista.

++ Sandy dá conselho para Juliette Freire: “Saber com quem pode contar”

Ela revelou que viveu momentos muito difíceis por conta da depressão: “Quando minha filha ia para a escola, eu capotava até ela voltar. Me ajeitava, disfarçava, achava que ela não percebia. Não tinha ânimo para vencer um dia inteiro”.

“Comecei a gostar da onda do remédio. Levei um tombo no banheiro, me machuquei. Fui a cinco psiquiatras até me acertar no antidepressivo”, completou a filha de Marieta Severo e Chico Buarque.

Por fim, ela explicou porque evitou falar sobre o assunto na época. “Não tive forças para assumir tudo isso na época. Agora, estou bem. Tem dois meses que não tomo antidepressivo”, celebrou Silvia Buarque.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  e também no Instagrampara maisnotícias do JETSS