Entretenimento, Cultura e Lazer

Após acusação dos filhos, Cid Moreira se pronuncia: “Consciência tranquila”

O jornalista Cid Moreira se pronunciou sobre as acusações dos filhos, Roger e Rodrigo Moreira, de que estaria com demência, sendo mantido em cárcere privado e maltratado pela esposa, Fátima Sampaio.

“Amore mio, o negócio está feio para mim lá fora, heim”, iniciou Fátima. “Não sei por que. Você foi a minha escolhida. Estamos juntos”, respondeu Cid.

“Estamos há quase 21 anos já. Mas as pessoas não estão acreditando que eu cuido de você”, retrucou a esposa. “Quem cuida de mim é você”, afirmou o apresentador. “Mas isso não quer dizer que você não tenha sua opinião”, pondera Fátima. “Claro. A minha opinião é a que sempre prevalece aqui”, ironiza Cid.

Fátima, que é 40 anos mais nova que o marido, comentou sobre a acusação: “Estão dizendo que você está senil”. O apresentador se defende zombando: “Eu não aceitaria viver com uma pessoa se eu não tivesse essa autoridade. Eu sou o presidente (risos)”. A jornalista brinca: “Isso vai dar D.R (discussão de relação). Nós vamos ter que ir na psicóloga. Tudo bem que você está com a cabeça boa e manda, mas somos parceiros”.

++ Filhos de Cid Moreira entram na justiça contra a madrasta: “Ele é uma vítima”

Cid continuou se declarando a Fátima: “Acima de tudo, somos ligados pelo amor”. A madrasta explicou o zelo que tem com Cid: “Comida fresquinha. Tudo feito na hora. Me disseram que estou fazendo cárcere privado com você, lhe dando alimento ruim”.

“Claro que estou triste. Quem é que não ficaria? E a história dos meninos são tão longas. Não se fala em um capítulo. Vocês têm suas histórias aí para resolver não é mesmo? Então, puxa vida, não sei mais o que dizer”, afirmou ela.

O apresentador consolou a esposa: “Não diga nada. Estamos aqui. Estou no comando. Quero deixar bem claro. Continuo gravando, com a consciência tranquila. Sempre trabalhei”.

“Comecei a trabalhar garotinho. Varria o salão lá quando meu pai era gerente do clube. Comecei com 6, 7 anos, a varrer o chão. E gostei de trabalhar e estou trabalhando. E fiz uma promessa até, de que ia divulgar o evangelho. E tudo que é de Deus incomoda o negativo”, continuou o jornalista de 93 anos.

Fátima concluiu: “Estamos tomando as providências. Estamos nos defendendo, sim. Estamos tristes, mas em paz e tudo vai passar”.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  e também no Instagram para mais notícias do JETSS