Entretenimento, Cultura e Lazer

Mãe de Medina acusa nora de ter destruído casa; Veja fotos

Se você achou que a treta da família Medina cessou e, finalmente, a paz reinou em âmbito familiar, você está completamente errado.  Simone Medina, mãe do surfista Gabriel, abriu um processo contra Bruna Medina, esposa de seu filho Felipe Medina, mostrando que a treta familiar está longe de chegar ao fim. 

A matriarca da família acusa de ter a nora de ter deteriorado a casa que cedeu ao filho em Maresias, litoral de São Paulo. Segundo ela, Bruna e Felipe moravam com sua neta Analua em um de seus imóveis e quando deixaram o local, que haviam encontrado em perfeito estado, uma série de avarias teriam sido encontradas por Simone.
O jornalista Leo dias teria tido acesso em que a matriarca narra como era a relação familiar entre eles. Segundo ela, a relação sempre foi pautada no amor, respeito e proteção como toda mãe. A requerente também anexou ao processo mensagens trocadas com seu filho Felipe e alegou que tudo que fez foi “para o crescimento e bem da família”. 

++ Juliette Freire ultrapassa Neymar e é a brasileira com maior engajamento no Instagram 

“A maior vítima da situação foi a própria Requerente, que apesar de prover a moradia para seu filho, sua nora e sua neta, hoje foi afastada do convívio de todos, pelas falsas afirmações da Requerida. O mínimo que a Requerida deveria ter é gratidão, pois sempre foi tratada com carinho e respeito, uma verdadeira ‘princesa’! Para ao final, tentar manchar a reputação e imagem da Requerente. Não é só isso, veja como deixou a residência da Requerente quando de sua saída”, escreveu o advogado de Simone em nota a imprensa. 

Após o caso vir a público, Bruna se pronunciou no Instagram e pediu para que seus seguidores não enviassem mensagens a respeito das notícias sobre o ação que corre na Justiça há cerca de um mês. “Estou num momento muito delicado no hospital. As medidas cabíveis já estão sendo tomadas. Peço apenas que enviem positividade”, escreveu Bruna em suas redes sociais. 

No processo em questão, Simone está pedindo uma indenização no valor de R$ 100 mil, além de solicitar à Justiça que Bruna faça uma retratação pública, em sua rede social, esclarecendo que jamais foi expulsa da residência em que morava, como disse em seu perfil no Instagram. 

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  e também no Instagram para mais notícias do JETSS.