Entretenimento, Cultura e Lazer

Mônica Martelli se emociona com morte de Paulo Gustavo e afirma: ‘Existe responsável’

Nesta quarta-feira (12) a atriz e autora Mônica Martelli, voltou das férias para apresentar o programa “Saia Justa” na GNT. Um pouco antes do programa ir ao ar ela postou uma foto em suas redes sociais, onde vestiu a jaqueta jeans de seu amigo Paulo Gustavo, que faleceu na semana passada. No programa ao vivo, ela chorou e se emocionou ao falar sobre o falecido e do processo de vacinação brasileiro.

++Viúvo de Paulo Gustavo lembra casamento e desabafa: ‘Que o tempo me ajude’

Para Mônica, a morte do humorista não teria sido uma fatalidade. Segundo ela, o falecimento de Paulo Gustavo tinha um culpado e alguém teria que ser responsabilizado.”Todo mundo que amava o Paulo Gustavo tem que se perguntar: Por que no Brasil não temos vacina suficiente? A gente tem que se perguntar. Não foi uma fatalidade. Ele era um homem saudável, sem nenhuma comorbidade. Existe um responsável para isso”, declarou a artista.

“Mas eu acho que é muito importante a gente dizer que esse luto que a gente tá vivendo, que não é só meu, é de um país, ele tem uma palavra de ordem: Duas doses de uma vacina que já existe. Podia ter te salvado e salvado muitas vidas. Isso aí vai ser uma ordem de luta no luto, por Paulo Gustavo”, a atriz continuou o desabafo.

Crítica a falta de vacina

Mônica seguiu com sua fala afirmando que as pessoas deveriam se perguntar: “Por que não temos vacina?”. Ela explicou que Paulo foi um militante muito importante e poderoso, que abraçou causas e ajudou a humanizar o país. “Esse país que agora está tão desumanizado. É um mar de horrores que a gente tá vivendo”, contou a autora.

Martelli acrescentou que o luto que ela passa não é só dela. O país inteiro sentiu a perda de Paulo como se fosse um amigo. Ela afirmou que o luto dela seria diferente, afinal, eles eram próximos, mas mesmo assim era uma perda coletiva. Gaby Amarantos, sua colega de programa, também se mostrou indignada em relação à falta de vacina e a posição do governo atual.

++Tata Werneck faz homenagem emocionante a Paulo Gustavo: “Você é gigante”

A apresentadora comentou o vídeo de Paulo Gustavo que viralizou na internet essa semana, onde ele pede pela vacina. A amiga do humorista contou que ele tinha muito medo de morrer, e vivia dizendo que se não se vacinasse e pegasse a doença iria morrer. “Ele afetou a vida de quem passou na frente dele, até de quem ele não conhecia. Eu olhava pra cada um que estava ali naquela missa e ele potencializou a vida de cada um”, finalizou a artista ao falar sobre a missa do sétimo dia do amigo.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  e também no Instagram para mais notícias do JETSS