Entretenimento, Cultura e Lazer

Luciano Huck sai em defesa de Neymar e é criticado nas redes

Neste domingo (13), durante o jogo entre Paris Saint-Germain (PSG) e Olympique de Marselha, Neymar acusou o zagueiro Álvaro González de racismo. O brasileiro foi expulso após dar um tapa no adversário. Em seu Twitter, Neymar disse que o jogador o chamou de “macaco”.

++ Rafaella Santos defende Neymar após ele acusar jogador de racismo: “Revolta e desespero”

Após o jogo, o nome de Neymar ficou entre os assuntos mais comentados nas redes sociais. Diversos brasileiros, entre eles celebridades bastante conhecidas, saíram em defesa do jogador brasileiro.

Luciano Huck foi um dos artistas brasileiros que usou suas redes sociais para defender o jogador e amigo. O apresentador disseque Neymar é um dos melhores do mundo e uma pessoa muito especial.

Huck falou sobre a luta contra o racismo no mundo: “Neymar é orgulho do Brasil. Um dos melhores do mundo. Um cara especial. Não tem racista nesse mundo que possa apagar seu talento, irmão. E nem o de ninguém. Racismo é crime! E a cada dia eu tento aprender um pouco mais sobre como ser um aliado na luta antirrascista. @neymarjr #antiracismo”.

No entanto, o post de Luciano Huck não agradou alguns internautas que deixaram comentários criticando seu posicionamento. Os usuários alegam que “orgulho” do Brasil são os médicos e não o jogador. Alguns também disseram que Neymar nunca se posicionou em prol do movimento negro.

Racismo é crime! Mas ele não é orgulho do Brasil não …. menos .. bem menos …”, escreveu um internauta. “Engraçado Neymar nunca se posicionou em prol do movimento negro por se achar branco e agora sentiu na pele que nenhum dinheiro do mundo vai fazer ele deixar de ser negro!”, escreveu outro.

Orgulho são os professores, os médicos, enfermeiros e por aí vai”, disse uma usuária. Ele devia usar sua imagem pra entrar nessa luta, mas é aquilo só se pronuncia quando aperta o calo. No dos outros é refresco. Tome como exemplo o Hamilton e lute contra o racismo use sua imagem para algo útil.”, escreveu outra.

Orgulho seu, não generalize o Brasil, ele podia ser, mas nao é e nunca será!!!”, disse um seguidor de Luciano. “Com tantas outras coisas pra homenagear, por exemplo um professor ou um médico, aí vc vem falar de um jogador..”, comentou outro.

Não deixe de curtir nossa página  no Facebook  e também no Instagram para mais notícias do JETSS