Entretenimento, Cultura e Lazer

Mion celebra dia 2: “voz pra meu filho e pra mais de 2 milhões de famílias autistas”

Você sabia que nesta quinta-feira (2) se comemora o Dia Mundial da Conscientização sobre o Autismo? E para refletir, o jornal Extra bateu um papo com o apresentador Marcos Mion que contou um pouco sobre sua relação com seu filho Romeo e como ele mudou a sua vida.

++ Marcos Mion nega briga com Justus e ter vazado áudio

“O propósito da minha vida é ser voz para meu filho e para os mais de 2 milhões de famílias autistas no Brasil. Isso é o que mais me motiva. Sabia que representaria uma comunidade gigante e queria honrar o trabalho de conscientização que já foi feito antes de mim. E, claro, porque se trata de outra pessoa, meu filho, tínhamos que ter tudo seguro e preparado para ele não sofrer preconceito”, explicou o apresentador ao comentar sobre o porquê da demora de ter revelado a condição de seu filho para o mundo.

Mion é casado com a designer Suzana Gullo, com quem teve outros dois filhos, Donatella, de 11 anos, e Stefano, de 9. Ele sabe que sua condição de celebridade, trouxe privilégios para o mais velho. Mas vê isso como parte de seu propósito e missão.

“Tenho consciência que minha posição como pessoa pública traz privilégios para o Romeo, em relação à sua condição e em relação às pessoas sentirem preconceito. Ele é um xodó do Brasil (risos). Aonde eu vou, me param para mandar um beijo para ele. Quase como se o Romeo estivesse virando um símbolo de quem passa por adversidades e com amor consegue superar”, explicou.

No início de 2020, o presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei Romeo Mion, que determinou a criação da carteira nacional de identificação do autista. Isso garantiu a todas as pessoas com a condição de autista o acesso às áreas da saúde, educação e prioridade em atendimentos públicos.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS