Entretenimento, Cultura e Lazer

Drinques podem ser o segredo da longevidade da rainha Elizabeth

Com os recentes escândalos da família real, pudemos ver que embora os membros sejam públicos e exemplos para muitas pessoas, ainda assim são uma família, e possuem as suas questões.

Mas uma coisa que não mudou nos últimos anos foi a postura da Rainha Elizabeth e muitas pessoas se perguntam como a rainha faz para se manter sã após mais de 60 anos no trono? Alguns tabloides americanos podem ter desvendado o segredo.

De acordo com o jornal americano Business Insider, a rainha faz o que muita gente costuma fazer para aliviar as tensões: toma um drink. A publicação ainda detalhou a rotina da monarca: começa com um gim com Dubonnet, antes do almoço.

++ Entenda tudo o que se sabe sobre o rompimento de Harry e Meghan com a família real

À noite, após realizar todas as suas obrigações, a rainha opta por uma tacinha de champagne. Hábito que, inclusive, contribui para a longevidade da monarca.

Benefícios para a saúde

De acordo com um estudo recente da Universidade de Reading, na Inglaterra, beber champanhe três vezes por semana diminui a possibilidade de ter demência e Alzheimer.

Isso acontece pois as uvas pinot noir e pinot meunier, ambas presentes na champanhe,  são as responsáveis por dar estímulos às células responsáveis pela memória, e ajudam a proteger o cérebro contra doenças.

De acordo com os pesquisadores, o estudo revela como o consumo tem influência  na melhora de ações cognitivas, como a memória. Até o momento, os testes só foram feitos em ratos, mas em breve serão realizados em humanos.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.