Entretenimento, Cultura e Lazer

Rodrigo Santoro relembra beijo gay de “Carandiru”: “Vi pessoas deixando os cinemas”

 

No dia da Parada LGBTQ+ em São Paulo, que reuniu mais de 3 milhões de pessoas na Avenida Paulista, Rodrigo Santoro usou seu Instagram para relembrar o beijo gay que protagonizou no filme “Carandiru”, em 2003.

++ Com presença de Rodrigo Santoro, Alok fecha cinema para a première de seu novo videoclipe ‘Ocean’

No filme, Rodrigo interpretou a travesti Lady Di, que se casou com com o personagem Sem Chance dentro da cadeia. Na cena do casório, os dois protagonizam um beijo gay, o que gerou revolta de alguns na época.

Neste domingo, (23), o ator relembrou o beijo e falou sobre o preconceito da época. “Em 2003, Gero Camilo, meu querido amigo e parceiro de cena em Carandiru, disse que o beijo da Lady Di e do Sem Chance era um beijo de todas as bocas e, para alguns, era como um tapa. Ainda naquele ano experimentei a sensação de, escondido nas salas, ver pessoas deixando os cinemas após a cena”.

Em seguida, o ator falou sobre as mudanças de lá para cá: “Hoje, 2019, as ruas de São Paulo estão tomadas pela luta para que todos os beijos, de todas as bocas, sejam um símbolo de amor e liberdade. A arte é aliada desse sonho”, escreveu Rodrigo no Instagram.

https://www.instagram.com/p/BzDwCf-pmz7/

O post do ator já está com mais de 100 mil curtidas e muitos comentários de pessoas elogiando seu trabalho. “Eu escolhi o homem certo pra ser fã desde criança”, comentou o humorista Whindersson Nunes. “Lindo o que escreveu, meu irmão! É isso, viva o beijo de todas as bocas. Viva a arte que nos enche de orgulho. Viva o amor livre! 🌈 te amo”, escreveu um fã. “Arrepiei em te ler. Ator fantástico. Orgulho do nosso Brasil tão sofrido, dividido e atrasado culturalmente”, disse uma seguidora.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS