Entretenimento, Cultura e Lazer

Avicii terá enterro fechado apenas para pessoas próximas um mês após sua morte

Um mês após a morte, a família do DJ Tom Bergling, mais conhecido como Avicii, anunciou que o funeral será fechado apenas para amigos e parentes.

++ Envelhecido, estado de saúde de Avicii preocupa fãs do DJ

No dia 20 de abril, aos 28 anos, ele foi encontrado sem vida em um quarto de hotel em Omã, onde passava suas férias. Depois de algumas suspeitas, os familiares confirmaram que o artista tinha se suicidado com cacos de vidro de uma garrafa. Em nota, eles afirmaram que o sueco “lutava contra a vida, não poderia continuar mais tempo e partiu em busca da paz”.

Nesta terça-feira (22), a família emitiu um comunicado explicando que o enterro será privado aos mais próximos e pediu respeito a decisão.

Durante um longo tempo, Avicii sofria de alcoolismo e depressão devido à fama repentina que alcançou após o lançamento de hits como “Wake me Up” e “Addicted to you”. Em 2014, ele teve uma pancreatite causada pelo excesso de álcool, culminado em sua aposentadoria das turnês dois anos depois.

Dono de uma carreira muito promissora, o DJ foi considerado um dos melhores do mundo pela revista “DJ Magazine”. Em 2013 chegou a figurar na quarta colocação no top 10 da Bilboard. Ele lançou dois álbuns de estúdio: “True” (2013) e “Stories” (2015) e fez parcerias com David Guetta (“Sunshine”) levando um Grammy e Rita Ora (“Lonely Together”).

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS