Entretenimento, Cultura e Lazer

Carnaval 2020: Conheça as rainhas de bateria no Rio de Janeiro

De um ano para o outro muita coisa muda nas escolas de samba, e nem todas as rainhas de bateria permanecem abrilhantando o desfile. Elaine Azevedo que representava a Unidos da Tijuca em 2019, por exemplo, deu espaço para Lexa brilhar neste ano. Já na Vila Isabel a baixa foi de Sabrina Sato, rainha da escola há 9 anos, e o trono foi assumido por Aline Riscado.  

As rainhas de bateria das escolas de samba prometem, como sempre, levar samba no pé, carisma e encantar a todos nos desfiles das escolas de samba do Grupo Especial em São Paulo em 2020. 

Confira quem são as rainhas de bateria de cada escola: 

Estácio de Sá 

 Depois de sete anos consecutivos desfilando pela Acadêmicos de Santa Cruz da Série A, Jack Maia chega para reinar no Grupo Especial. 

Agora a empresária irá brilhar a frente dos ritmistas da Estácio de Sá. No ano passado, Jack já havia feito a sua estreia como musa da escola.

https://www.instagram.com/p/B74IIC4n_kk/

Viradouro 

Raissa Machado será a rainha de bateria da Viradouro em mais um carnaval. Ela reina na escola desde 2014, mas a sua relação com a escola é de longa data: Raissa estreou na escola como destaque em 2009 e foi escolhida como musa em 2012 e 2013.

https://www.instagram.com/p/B8jSq5xAZwu/

Mangueira

Evelyn Bastos segue à frente da bateria da verde rosa em 2020, desde 2014. Mangueirense de carteirinha, ela desfila pela escola desde os 4 anos de idade.

https://www.instagram.com/p/B8pyQBrJkPU/

Paraíso do Tuiuti

A conhecida Lívia Andrade já está entre os principais nomes do Carnaval de São Paulo, e agora surge também no Rio. De musa a rainha, Lívia subiu ao trono e vai sambar à frente dos ritmistas da Paraíso do Tuiuti. 

https://www.instagram.com/p/B8fgQ_wh3m8/

Grande Rio

Paolla Oliveira não desfila oficialmente no carnaval do Rio desde 2010, e por dois anos brilhou a frente da Grande Rio, e em 2020 irá abrilhantar ainda mais o desfile da escola. Neste ano, Paolla é uma das rainhas mais esperadas para cruzar a Sapucaí.

https://www.instagram.com/p/B2tuU04AGqA/?utm_source=ig_embed

União da Ilha

Gracyanne Barbosa segue a frente da bateria da União da Ilha. A musa fitness está a frente da escola desde 2018. Gracy chegou a ficar um ano fora do festa, por conta de compromissos de trabalho, mas parece que a musa veio para ficar.

https://www.instagram.com/p/B8NDoe2BcCl/

Portela

Bianca Monteiro estreou no cargo de rainha de bateria em 2017, e desde então não parou mais. Ela foi passista da Portela e realizou o sonho ao ascender ao trono e se manter nele.

São Clemente

Raphaela Gomes segue como rainha de bateria da São Clemente. Ela estreou no cargo com 15 anos, quando ocupou o lugar deixado pela prima, Bruna Almeida, que engravidou e decidiu abandonar a função para cuidar do filho. Hoje, com 20 anos, Raphaela já se consagrou no posto.

https://www.instagram.com/p/B8cFMiaHYcD/

Vila Isabel

Aline Riscado está de volta ao carnaval do Rio, e irá ocupar o posto que foi por nove anos de Sabrina Sato. A bailarina também já foi rainha de bateria da Caprichosos de Pilares, na Série A, em 2014, e musa da Acadêmicos do Salgueiro, no Grupo Especial, em 2016.

++ Carnaval: Conheça as rainhas de bateria em São Paulo de 2020

https://www.instagram.com/p/B8qpGe1gBK6/

Salgueiro

A rainha das rainhas! E não é por menos. Viviane Araújo já está há 25 anos no carnaval. Só no Salgueiro, a atriz reina na bateria há doze anos. Em 2020, claro, a rainha segue para mais um show na Sapucaí.

https://www.instagram.com/p/B8oS2H7jMNJ/

Unidos da Tijuca

Depois de desfilar em 2019 como musa da Mocidade, no Grupo Especial, e rainha de bateria na Unidos de Bangu, na Série A, Lexa estará à frente da bateria da Unidos da Tijuca.

Mocidade 

Giovana Angélica, que é membro da Mocidade há tempos, ascendeu ao trono em 2020. A turismóloga já foi musa por dois anos, em 2017 e 2018.

https://www.instagram.com/p/B8DjR9kJctM/

Beija-Flor

Raissa Oliveira é uma estrela precoce do mundo do samba. Estreou no cargo de rainha de bateria com 12 anos, em 2003, e nunca mais parou. Em 2020, Raissa promete seu retorno à Sapucaí na Beija-Flor após dar à luz sua primeira filha, Rhayalla.

https://www.instagram.com/p/B8SeyQ5JztL/

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS