Entretenimento, Cultura e Lazer

Quando a Princesa Diana e John Travolta deram um show de dança na Casa Branca

John Travolta dançando com a Princesa Diana na Casa Branca (Foto: Shutterstock)
John Travolta dançando com a Princesa Diana na Casa Branca (Foto: Shutterstock)

Vamos recordar quando a princesa Diana foi para a pista de dança na Casa Branca com o astro do filme “Saturday Night Fever”, John Travolta?

O evento ocorreu em novembro de 1985, e os improváveis parceiros foram os convidados do presidente Ronald Reagan e da primeira-dama Nancy Reagan, que deram uma festa em homenagem ao Príncipe Charles da Inglaterra.

Conhecer celebridades mundiais tão famosas tem sido uma sorte para poucos, mas para Diana Spencer e John Travolta, duas celebridades que se admiravam, tornou-se realidade em uma noite mágica com uma dança dos sonhos. Mas não foi por acaso que o ator foi um dos convidados: foi um pedido pessoal de Lady Di.

Ver a princesa Diana sendo rodopiada em uma pista de dança pelo galã de Hollywood, é uma imagem que se tornou mais famosa do que alguns dos filmes mais conhecidos do astro de ‘Grease’.

Em declaração feita concedida anos depois, Linda Faulkner, então secretária de cerimoniais do presidente Ronald Reagan, revelou que Nancy perguntou aos príncipes se eles queriam alguém em particular na festa: “Cada um mandou uma lista e na dela estava John Travolta.”

A princesa admirava o conhecido ator ítalo-americano desde a estreia de seus filmes Saturday Night Fever and Grease, na segunda metade dos anos 70. Naqueles anos, Lady Di era apenas uma adolescente e ele havia se tornado seu “amor Platônico”.

Mas quando se conheceram, Diana tinha 24 anos e já era mãe dos príncipes William e Harry, porém amplamente conhecida por suas viagens altruístas e pela intensa atividade que a imprensa exercia sobre ela por seu elegante senso de moda. Ela já era uma verdadeira influenciadora moderna.

Travolta tinha na época 31 anos, e havia conquistado uma grande e merecida fama após esses dois sucessos cinematográficos, porém encontrava-se na época em uma situação artística um tanto difícil: seus três filmes seguintes foram um fracasso e, por sorte, sua presença na festa contribuiu bastante para o reaquecimento de sua carreira.

O ator se lembraria anos depois que “…não fazia ideia de que havia algo planejado para mim naquela noite. Tive a honra de ter sido convidado para aquele evento, pois minha carreira estava em um ponto muito baixo na época, mas eu estava naquela sala mesmo assim. Eu me senti como um sapo que virou príncipe”.

John Travolta dançando com a Princesa Diana na Casa Branca (Foto: Shutterstock)
John Travolta dançando com a Princesa Diana na Casa Branca (Foto: Shutterstock)

O que Travolta não sabia é que no meio da recepção, por volta das 21h30, a primeira-dama dos Estados Unidos, Nancy Reagan, se aproximou dele e disse que tinha um pedido especial da princesa Diana: “Ela sempre teve o grande sonho de dançar com você: você dançaria com ela? Travolta, surpreso com a atenção, respondeu afirmativamente”.

Depois que a orquestra começou com a música Shall we dance, que Lady Di dançou com o presidente Ronald Reagan e a primeira-dama fez o mesmo com o príncipe Charles, a mesma orquestra, que tinha tudo preparado, começou com uma seleção de canções lentas dos filmes Saturday Night Fever and Grease. Foi então que Travolta se aproximou de Lady Di e perguntou-lhe com certa timidez: “Com licença, princesa, gostaria de dançar?” A princesa, baixando a cabeça e um tanto corada, respondeu simplesmente: “Eu adoraria”.

Embora naquela época houvesse outros casais na pista, após alguns minutos os dois dançavam sozinhos. Havia vários tópicos em que todos os olhares estavam voltados para eles, como uma cena de um filme.

Travolta lembra que “antes de dançarem juntos, Diana dançou com o príncipe Charles. Isso me ajudou a perceber que ela era uma mulher forte e que, acima de tudo, era ela quem guiava o marido. Eu sabia que todos estavam olhando para nós naquele momento, então tentei fazê-la se sentir confortável; coloquei minha mão em suas costas e segurei sua mão de forma que ela se sentisse segura de si mesma. E assim foi. A dança foi fantástica graças a ela, porque ela não se comportava como uma superior, muito pelo contrário”.

O inesquecível protagonista de ‘Grease – Nos Tempos da Brilhantina’ chegou a descrever sua dança com a então princesa como seu momento favorito dos anos oitenta. “Esse foi um dos melhores momentos da minha vida, acho até que o melhor da década”, revelou em entrevista ao Good Morning America em 2016.

John Travolta dançando com a Princesa Diana na Casa Branca (Foto: Shutterstock)
John Travolta dançando com a Princesa Diana na Casa Branca (Foto: Shutterstock)

As imagens do casal na Casa Branca deram a volta ao mundo e se tornaram um dos momentos mais emblemáticos da vida de Lady Di. “Eu me sinto muito feliz por ter aproveitado aquele momento, ela melhorou a minha vida e acho que melhorei de alguma forma a dela. Lamento que ela não esteja mais aqui”, disse Travolta após a trágica morte da Princesa de Gales.

Quando a lenta seleção da música terminou, os presentes não apenas aplaudiram, mas torceram pelo casal. Linda Faulkner, secretária de protocolo do presidente Reagan, reconheceu que nunca tinha visto nada parecido na Casa Branca.

Quando a recepção terminou por volta das 2 da manhã, no aeroporto de Washington, John Travolta tomou conhecimento do que havia acontecido naquela noite. Quando, ainda exultante no momento, ele comentou com um dos funcionários do aeroporto “Quer saber? Esta noite dancei com a princesa Diana”, ele, para surpresa do ator, respondeu: “Eu sei. Todo mundo nos Estados Unidos sabe disso”.

Curta nossa página no Facebook  e no Instagram para mais notícias do JETSS.