Entretenimento, Cultura e Lazer

“BBB 20”: Globo define o que fazer sobre as acusações de assédio e agressão

Nas redes sociais, a hashtag #PetrixExpulso tem mais de 41 mil menções, demonstrando a revolta do público com o 1º líder desta edição do BBB, Petrix, acusado nas redes de ter assediado Bianca Andrade, a famosa Boca Rosa.

A cena que causou polêmica e levou a acusação foi quando na festa do último sábado (25), o ginasta abraçou a participante, visivelmente bêbada, e depois a chacoalhou pelos seios. O fato aconteceu alguns momentos após a briga de Rafa Kalimann e Bianca – que também rendeu na web – e fez com que o público pedisse a saída do participante.

++ Quer evitar rugas? Máscara de uva pode ajudar!

Já a acusação de agressão também envolve o nome de Bianca e se desenvolveu na festa, quando ela empurrou Rafa Kalimann durante uma discussão, o que poderia ser qualificado como agressão na visão do público, o que consequentemente a impediria de continuar no programa.

Ambos os casos foram analisados pela emissora e Tiago Leifert deu o veredicto na noite deste domingo: “Concluímos que não há elementos para punir nenhum dos participantes”, disse Leifert.

O programa deste domingo ainda divulgou, que Bianca e Rafa foram chamadas ao confessionário pela produção. Ao ser questionada sobre o jeito que Petrix a chacoalhou na festa, Boca rosa respondeu: “Não, zero desconforto. E a intenção era me animar, está tudo bem”.

Já Rafa, ao ser questionada se considerava o contato físico durante a discussão como uma “agressão física que mereça a atenção do programa”, ela respondeu: “Não, não acho. Tinha muita coisa ali. Tinha bebida. Ela se alterou. Não me senti… Não acho que foi uma agressão.”

A “demora” do posicionamento na Globo foi apontada por todos, o que revoltou alguns internautas, que esperavam uma posição da Globo no sábado, e contavam com a  expulsão.

https://twitter.com/Bibi95446134/status/1221036643815129088?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1221036643815129088&ref_url=https%3A%2F%2Fwww.correiobraziliense.com.br%2Fapp%2Fnoticia%2Fdiversao-e-arte%2F2020%2F01%2F25%2Finterna_diversao_arte%2C823277%2Fbbb20-expulsao-de-petrix-por-assedio.shtml

Em abril de 2018, o ginasta veio a público dizer ter sido vítima de abuso sexual, cometido pelo ex-técnico da seleção brasileira de ginástica artística, Fernando de Carvalho Lopes. Ao todo, 40 jovens afirmaram terem sido vítimas do assédio. Desses, dez levaram o caso à Justiça. A denúncia foi apresentada pelo Fantástico, da TV Globo.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS.